Logo Site

Vereador dinâmico e inovador que prioriza trabalho transparente, com mediação e sustentabilidade. O mandato é embasado em argumentos e pareceres técnicos. Visa atender demandas coletivas da cidade de Campo Grande - MS.

CONHEÇA MAIS
Painel
29/05/2019
Com inscrições abertas, painel vai discutir os desafios da drenagem urbana
Com inscrições abertas, painel vai discutir os desafios da drenagem urbana

 

 A falta de planejamento ou um planejamento urbano sem levar em conta a expansão das cidades e impermeabilização exagerada. Estes são os principais fatores que desencadeiam problemas de drenagem, que têm sido desafio mundial das cidades. Para discutir o tema será realizado no dia 7 de junho, a partir das 13h, na Câmara Municipal de Campo Grande o Painel Internacional Drenagem Urbana-Desafios e Oportunidades.

 

O painel tem realização da Frente Parlamentar Ambientalista, Câmara Municipal de Campo Grande e o mandato do vereador Eduardo (Rede), que coordena os trabalhos para que o evento traga estudos em andamento, pesquisas científicas, esclarecimentos sobre projetos, leis e ainda uma visão de como o mundo vem trabalhando a temática da drenagem.

 

Um dos convidados para palestrar no painel é o professor doutor José Goes Vasconcelos Neto, da Universidade de Auburn (Alabama, Estados Unidos), que traz experiência internacional em drenagem urbana.  O professor doutor Paulo Tarso da UFMS, vai falar sobre Sistema de Alerta e Previsão de Inundações (SAPI), O professor doutor José Marcato Junior, da UFMS, vai apresentar aplicações de VANT (veículo aéreo não tripulado) no contexto de monitoramento hídrico. O engenheiro Marcos Cristaldo (Segov) vai apresentar o Plano de Drenagem de Águas Pluviais e ainda a promotora de Justiça Andréia Peres apresentará o Trabalho da Comissão Especial de acompanhamento e Fiscalização da Drenagem Urbana em Campo Grande.

 

O vereador Eduardo Romero, que é vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente da Câmara e coordenador nacional da Frente Parlamentar de vereadores ambientalistas, destaca que o painel vai servir para exposição de como o mundo está encarando este problema. Como a Capital está pensando e como a sociedade e as instituições desempenham papel importante na política pública. Ele aponta que cada cidadão tem importância no sistema de escoamento das águas de sua cidade, desde como mantém seu quintal com locais não impermeabilizados para que a água infiltre no solo. Como os gestores públicos podem trabalhar, levando em conta um sistema de captação de água planejado para uma população bem menor que a atual, com menos bairros e ainda as condições climáticas que mudaram seu comportamento.

 

O novo Plano Diretor, que entra em vigor no dia 1º de agosto deste ano, traz uma série de alterações sobre planejamento da cidade pensando na drenagem urbana. Uma das alterações feitas pela Câmara Municipal é que novas construções terão que ter entre 20 e 30% de área sem impermeabilização, variando de acordo com a região da cidade. O índice, antes de 12,5%,.

 

Inscrições

 

As inscrições para o painel são gratuitas e podem ser feitas no site: www.eduardoromero.com.br/evento. Basta preencher os dados solicitados e se o participante desejar certificação é só preencher na própria inscrição. Mais informações: 3316-1534 ou pelo email: eduardoromero@camara.ms.gov.br